Image aretha-218x150

Durante entrevista nesta sexta-feira (13) a rádio Correio, o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) engrossou o coro e afirmou que desconhece a definição da chapa de oposição com Lucélio Cartaxo (PV) encabeçando a chapa como pré-candidato ao governo.

 

Aguinaldo declarou que não aceita a nota da presidência do PSDB e que vai se reunir com todos para poder participar da real escolha do candidato.

 

“Quando cheguei à Paraíba foi que soube dessa definição. É a uma manifestação de um partido, o PSDB. Mas partido algum fala em nome de toda a oposição. Sem você ter conversado com todos sobre este nome, de todos os partidos, você não tem um nome ainda”, afirmou. Aguinaldo ainda alfinetou os políticos do PSDB, dizendo que esta operação foi uma “Tabajara” ou seja, desorganizada.

 

Aguinaldo confirmou ainda que o PP estará na majoritária e disse que vai ter candidatura sim. A discussão começa na oposição mas ele não fechou portas para nenhum postulante.

 

“Estamos tentando unificação, mas tem a postulação de José Maranhão (MDB) também. Nesse cenário temos que perseguir a participação teremos uma vaga na majoritária. A construção de todos foi buscar o nome de Luciano Cartaxo (PV) ou Romero Rodrigues (PSDB) e quando não tivemos essa certeza, o jogo está zerado. Temos que ter critérios para criar uma chapa. Não deve substimar a inteligência de ninguém. O grupo PSDB e PV sentaram e definiram e colocaram os demais como resto e nós não estamos dentro dele. Não vamos tratar assim. Eu não tenho nenhuma análise sobre o nome de Lucélio Cartaxo (PV) fui pego de surpresa. Vamos avaliar o nome de todos. Nosso partido fará uma pesquisa para testar os possíveis nomes. O que interessa não é o que eu acho e sim o que o povo da Paraíba acha. Temos que ter o projeto e um interprete para ele”.

 

Com PB Agora

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here