Image

Em mais uma assembleia realizada na manhã desta segunda-feira, 21, os funcionários da Chesf em Campina Grande cancelaram a participação na greve nacional marcada para esta terça-feira (22), 23 e 24, mas aprovaram novo indicativo para junho. Está marcada para o próximo dia 07 de junho, uma nova mesa-redonda entre os Sindicatos da categoria e a direção da Eletrobras, com expectativa que sejam apresentadas propostas reais para a definição do Acordo Coletivo de Trabalho.

A assembleia local aconteceu na Chesf e, segundo Osvaldo Aristides, diretor do Sindicato dos Urbanitários (Stiupb), e funcionário da Companhia, os servidores estão apreensivos quanto aos novos tempos que o País está vivendo, não apenas em relação ao PCCR, mas, sobretudo, sobre os rumos para a privatização da Eletrobrás/Chesf, com os consequentes aumentos: da tarifa de energia e privatização do Rio São Francisco.

Durante a reunião desta segunda-feira, no entanto, foram aprovadas novas datas para uma possível paralisação nacional, caso o acordo não avance, ficando definidos os seguintes dias para a mobilização: 11, 12 e 13 de junho vindouro.

De acordo com o diretor sindical, a empresa, na verdade, na tem apresentado proposta alguma, já que defende reajuste zero e congelamento dos benefícios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here