Image daniella-ribeiro-696x435

Após o Partido Progressista (PP) não descartar diálogos para compor a chapa de João Azevêdo (PSB) e Daniella Ribeiro (PP) não rechaçar a possibilidade de ser a senadora da coligação socialista, as coisas parecem continuar da mesma forma. O grupo comandado pelo deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) não conversou com os socialista – do governador Ricardo Coutinho (PSB) – nesta semana, mas a oposição parece que também não fez muita questão de dialogar e tentar segurá-los. A deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) comentou sobre a situação no início da tarde desta sexta-feira (18).

Para a parlamentar o tema pode ter surgido nessa troca de farpas entre os grupos Cartaxista e Ricardista nos últimos dias. “Não houve nenhuma conversa [nesta semana] sobre o PP ocupar uma vaga na chapa de João Azevêdo. Isso deve ter sido algum tema que foi suscitado por conta dessas discussões entre os grupos e aí jogaram isso. Aguinaldo está em Brasília – inclusive doente -, estou em Campina Grande e não conversei com ninguém, assim como meu pai também não falou”, afirmou Daniella Ribeiro.

De acordo com ela, o Progressista está focado nos seminários e no conteúdo programático do que estão pensando para a Paraíba, além de não ter pressa de definir “um lado” e fechar a composição com uma chapa. “A gente não está ‘vamos correr para conversar onde vamos ficar’. Até porque o PP tem dado contribuições importantes, e construímos uma chapa forte para proporcional, estadual e federal. Estamos tranquilos”, garantiu Daniella.

Uma avaliação qualitativa também está sendo desenvolvido pelo PP. O resultado dessa análise, ao que parece, pode dar rumo ao acordo da sigla. Segundo Daniella, esse trabalho é para entender o que a população espera nesse momento e para os dados serem usados nas discussões. “Espaços são naturais, serão construídos a partir da contribuição que você pode dar”, avaliou.

Com Blog do Gordinho

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here