Image sem-conexao
Uma mensagem que diz que o governo pretende cortar os sinais de internet no Brasil para que os manifestantes envolvidos na paralisação de caminhoneiros não consigam se comunicar e interrompam a greve também tem bombado na web. Mas ela não é verdadeira.

“O governo ou a Anatel não têm a capacidade de causar uma queda ou corte no sinal de internet no Brasil. Assim, não há intenção de um corte na internet programado para hoje ou para os próximos dias”, afirma a Agência Nacional de Telecomunicações.

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações também nega qualquer possibilidade. “É um absurdo, um boato. Não procede a informação.” Procurada, a SindiTelebrasil, que reúne as operadoras de telefonia móvel do país, nega que haja essa intenção de bloqueio. “As prestadoras não receberam nenhuma solicitação nesse sentido. E, de acordo com a legislação, qualquer interrupção de sinal só pode ser feita mediante ordem judicial.”

É ou não é?’, seção de fact-checking (checagem de fatos) do G1, tem como objetivo conferir os discursos de políticos e outras personalidades públicas e atestar a veracidade de notícias e informações espalhadas pelas redes sociais e pela web. Sugestões podem ser enviadas pelo VC no G1, pelo Fale Conosco ou pelo Whatsapp/Viber, no telefone (11) 94200-4444, com a hashtag #eounaoe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here