Image mito-2-696x465

O deputado federal e pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL-RJ) afirmou nesta quinta-feira (21) que vai tirar o Brasil do Conselho de Direitos Humanos da ONU se for eleito.

“Tiro, sim. [Se for para o conselho] continuar funcionando da mesma maneira? É uma economia para nós. Não serve para absolutamente nada”, afirmou o pré-candidato durante uma caminhada pelas ruas de Campina Grande.

Segundo Bolsonaro, o órgão vota constantemente contra os interesses do estado de Israel e apoia regimes condenáveis. “Não é apenas porque vota contra Israel de forma corriqueira. É porque estão sempre do lado de quem não presta”, afirmou Bolsonaro.

 

Com República de Curitiba