Image pedro-696x465

O deputado Pedro Cunha Lima (PSDB) comentou sobre o apoio do ‘Centrão’ à candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República.

Pedro destacou que os apoios importantes e partidos fortalecem, pois na política existe a necessidade de somar, mas frisou que “o que não se pode é trocar isso por alguns valores e posições”.

– Eu não posso a partir daí dizer que estou arrependido de ter votado na investigação de Michel Temer. Houve duas denúncias contra o presidente Michel Temer e aí não tem cálculo político, é cumprir uma obrigação, fazer o mínimo que respeita o povo. Se o governo quiser apoiar, eu não vou mudar meu olhar crítico – explanou.

O parlamentar também defendeu a atuação do juiz Sérgio Moro, que, segundo ele, “faz um trabalho rigoroso e se tem alguém que está combatendo de frente um sistema podre e corrupto é ele”.

– Ele pode errar como qualquer um de nós pode errar, mas negar que ele está sendo um instrumento de transformação no nosso país no combate à corrupção é de uma paixão partidária que é impressionante – explanou.

Em relação a Aécio Neves, Pedro se disse “muito decepcionado”.

– Nós confiávamos num trabalho que poderia acontecer e nos deparamos com uma situação que não tem como não se decepcionar. Até quem não era do mesmo partido e apoiou se decepcionou. Também me decepcionei com a postura do PSDB, que deveria ter sido mais duro – sublinhou.

Por fim, Pedro comentou que, pessoalmente, espera que a candidatura de Alckmin não tenha o apoio do governo, e que sempre foi contra a aproximação do PSDB com Michel Temer, afirmando que foi “um erro”.

– Você tem um governo que deveria ter sido afastado, já começa daí. Você está tendo o apoio de um governo que, por uma articulação, não foi afastado em uma investigação em que todo mundo viu um homem correndo com uma mala de dinheiro. Todo mundo viu Michel Temer tendo uma conversa com Joesley Batista, um sujeito que ele mesmo chama de bandido, uma conversa indecente e que não foi afastado. Na minha visão, não dá para conciliar com isso – pontuou.

 

Com Paraibaonline