Image Mito

Jair Bolsonaro é líder entre os presidenciáveis — ao menos, no Ibope da maratona eleitoral do Roda Viva, da TV Cultura. A entrevista do candidato do PSL, transmitida ao vivo na noite desta segunda-feira, teve média de 2,3 pontos de audiência na Grande São Paulo, com pico de 2,8, no final do programa. Foi, de longe, a mais vista das entrevistas de pré-candidatos.

Ciro Gomes, o segundo colocado no ranking de audiência dos presidenciáveis no Roda Viva, teve 1,1 ponto de média. Alvaro Dias (PV) aparece 0,4 ponto atrás, com 0,7 de média. E Marina Silva (Rede), Manuela D’Ávila (PCdoB) e Henrique Meirelles (MDB) surgem empatados na quarta colocação, com 0,6 ponto de média.

O tucano Geraldo Alckmin foi um dos menos vistos — 0,4 ponto de média, à frente apenas de Guilherme Afif, do PSD, com 0,3. Confira abaixo os índices de audiência anteriores à entrevista de Bolsonaro:

Image

À frente de todos os concorrentes, Bolsonaro só correria risco de perder, na disputa pela audiência, para Luís Inácio Lula da Silva. Detido em Curitiba, no entanto, o ex-presidente e pré-candidato do PT à Presidência não deve participar do programa.

Bolsonaro também alcançou uma grande repercussão nas redes sociais, onde o programa foi transmitido ao vivo, via Facebook, Twitter e YouTube, onde tinha, na reta final, 228 000 sintonizadas. Os números de Facebook e Twitter do ex-militar ainda não foram divulgados.

No YouTube, ele ultrapassou até a marca do juiz Sergio Moro, que era recorde do programa. Moro teve 130 000 visualizações, mas levou a melhor no Ibope, com 3,8 pontos de média no Ibope.

Image

 

Com veja