Image fabiano-gomes

O radialista paraibano Fabiano Gomes foi preso nessa quarta feira (22) pela manhã em sua residencia pela Polícia Federal. A PF cumpre mais uma mais etapa da Operação Xeque Mate, que apura corrupção na prefeitura de Cabedelo, com a compra de mandato do ex-prefeito Luceninha pelo prefeito afastado Leto Viana.

O comunicador havia sido apontado como articulador e negociador de todo o processo que culminou na alternância de gestores e com a participação  do empresário Roberto Santiago proprietário do Manaíra e Mangabeira Shopping na capital. O radialista é natural da cidade de Cajazeiras no sertão da Paraíba onde começou a sua carreira. Fabiano Gomes da Silva  não tem formação acadêmica superior e poderá ser transferido para um presidio da capital caso seja condenado no processo.

Da redação