Image janela-696x465

Na madrugada desta sexta-feira (3), dois homens foram presos e dois adolescentes foram apreendidos suspeitos de invadir uma escola de Campina Grande. Os rapazes picharam várias paredes, arrancaram uma das câmeras de segurança do local e ainda fizeram um lanche.

De acordo com informações da Polícia Militar, a PM foi acionada ao local por um vigilante que conseguiu render os quatro suspeitos quando tentavam arrombar o laboratório de informática da escola. O vigilante estava armado e conseguiu render os suspeitos até a chegada da polícia e da supervisão da empresa privada que faz a segurança da escola.

Segundo relato do vigilante à polícia, por volta das 2h, os suspeitos pularam o portão principal da Escola Estadual da Prata e entraram no refeitório através de uma janela quebrada.

Com os suspeitos a polícia encontrou uma garrafa de tinta, um pincel de rodo, garrafa de água e a câmera de segurança retirada por eles da escola. Os quatro disseram à polícia que não foram até a escola para roubar, que seria apenas um local ideal para pichação.

Na manhã de hoje, a polícia informou que os dois homens presos, de 18 e 19 anos, e os dois adolescentes apreendidos, de 15 anos, são todos do bairro Alto Branco e foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil, onde permanecem detidos.

 

Com ClickPB