Image cirob1

Em uma declaração surpreendente até para os padrões do pedetista, Ciro Gomes (PDT) disse que caso seu adversário Jair Bolsonaro (PSL) seja eleito em outubro, deixará a política.

Ciro justificou dizendo que “é a confiança no povo brasileiro” que o mantém na política.

O candidato do PDT acrescentou de forma irônica:

Eu vou desejar boa sorte a ele [Bolsonaro] e depois vou chorar, vou pedir para a minha mãe me proteger.