Image ciro-1-696x413

Momentos após a realização do último debate na televisão envolvendo os candidatos à Presidência da República, o candidato do PDT, Ciro Gomes, quase foi notificado por um oficial de Justiça no camarim da TV Globo.

De acordo com Ciro, a ação do oficial objetivava notificá-lo de um processo eleitoral movido por João Doria, candidato do PSDB ao governo de São Paulo. Na acusação, Doria informou que teria sido chamado de “farsante” por Ciro.

Apoiadores de Ciro impediram a notificação. “A Globo colocou o oficial de Justiça dentro do meu camarim. O Doria conseguiu que uma juíza do Rio de Janeiro mandasse o oficial de Justiça agora, uma hora da manhã, no camarim que a Globo deu, e a Globo deixou o cara entrar, para me notificar de uma ação do Doria contra mim“, afirmou Ciro. “Eu chamei [Doria] de farsante. Quando eu penso que ele é mesmo um corrupto.”