Atacante Everton do São Paulo é acusado de agredir mulher em festa - image mulher-jogador-696x771 on https://antv.news

atacante Everton foi acusado de agredir uma mulher na cidade de Nortelândia, interior do Mato Grosso, na última terça-feira. A vítima afirma que o jogador desferiu um murro contra ela depois de ir à sua festa sem ser convidada. Dois Boletins de Ocorrência foram registrados na delegacia local, um de Joanna Darc Campos Dourado e outro da família do atleta. A informação foi publicada pelo Globo.com e confirmada pela Gazeta Esportiva.

Joanna Darc Campos Dourado chegou a publicar em suas redes sociais uma foto em que mostrava um ferimento na boca junto de um texto explicando o ocorrido. Na publicação ela diz que foi à festa de Everton mesmo sem ser convidada na intenção de tirar uma foto com o jogador e acusou a família do atleta de tratá-la “como lixo”. Pouco depois, Joanna Darc apagou o post em que expunha a situação publicamente.

A versão do atleta é completamente diferente. Joanna Darc, uma outra mulher e um homem teriam invadido sua casa durante uma festa e brigado com seus familiares enquanto seguranças expulsavam o grupo. Ao sair da casa, ela teria atirado uma cerveja na piscina e xingado alguns parentes do jogador.

Por meio de sua assessoria de imprensa, Everton se manifestou sobre o tema:

“O jogador Everton, do São Paulo, nega qualquer incidente envolvendo o seu nome. O que houve foi uma invasão da casa onde ele estava com a família na cidade de Nortelândia, no Mato Grosso, e os invasores foram convidados a se retirar pelo segurança do jogador. O pai do atleta, Evandro Cardoso, registrou essa invasão na polícia local. O caso está na Justiça e o jogador e sua família esperam que os invasores sejam punidos”, explicou Everton por meio de um comunicado.

Com Terra