Image

Filho do presidente eleito disse que Julian Lemos (PSL-PB) não representa o pai no Nordeste e deve parar de tentar aparecer à sombra de Jair

Nova polêmica no Twitter. Após se afastar da equipe de transição, o vereador carioca e filho do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), continua disparando sua metralhadora giratória para aliados do próximo presidente da República.

Na noite desta quarta-feira (5/12), o alvo foi o deputado federal eleito pela Paraíba Julian Lemos, do mesmo partido dos Bolsonaro e um dos postulantes a congressista mais próximo do então presidenciável do PSL durante a disputa eleitoral. Carlos postou que Lemos não é e nunca foi o coordenador do presidente eleito no Nordeste e ainda sugeriu que ele parasse de “tentar aparecer” à sombra de Jair Bolsonaro.

Ainda nessa edição mais detalhes

Da redação