O jornalista Luis Torres, secretário de Comunicação do Estado, disse neste domingo (3) que considera as especulações sobre uma veiculação de reportagem no Fantástico, da Rede Globo, absurda ao tentar misturar o Estado do Rio de Janeiro com a Paraíba na questão da Cruz Vermelha.

Ele foi incisivo em afirmar que, no caso da Paraíba, houve sim uma solução do caos na gestão do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, resolvendo de vez o problema de gestão.

“É um absurdo querer misturar Rio de Janeiro com Paraíba”, afirmou ele acrescentando que “aqui todo mundo sabe que as coisas funcionam com gestão de resultados”, disse.

Ele completou: “o  Trauma saiu do caos ao patamar mais elevado de prestação de serviços”.

Da redação com assessoria