BRISANET realiza encontro com diretores de TVs para promover canais locais na região Nordeste - image reunião-696x392 on https://antv.news

A BRISANET maior empresa de telecomunicação do Nordeste, realizou o primeiro encontro com diretores responsáveis pelos canais de televisão (IPTV) que foram ou estão sendo ativados na grade de programação da TV por assinatura da empresa. Esses canais são denominados como “canais locais a cabo” que atuam com uma grade de programação voltada especificamente para as cidades e região onde estão implantados.

O encontro serviu como parte de um circuito de treinamentos entre profissionais desses canais e reuniu nesse final de semana (09, 10) cerca de 15 profissionais na sede da empresa que fica na cidade de Pereiro no estado do Ceará.

Durante o encontro houve muito bate papo e apresentações de cases por parte dos profissionais das áreas de Programação, Produção, Marketing e Jornalismo.

O diretor comercial da empresa Jordão Estevam abriu o encontro no sábado pela manhã dando as boas vindas a todos e mostrando novos projetos que irão inspirar futuras ações com o público parceiro da BRISANET.

José Vasconcelos diretor de marketing avaliou o encontro como muito enriquecedor e importante para alinhar o pensamento entre empresa e os canais locais. Vasconcelos aproveitou também para mostrar novas pesquisas e estatísticas no mercado.

Jair Cordeiro, gerente comercial e responsável pela implantação dos canais na grade, avaliou o encontro como muito enriquecedor “Foi muito importante para alinhar o pensamento da empresa e dos diretores dessas TVs. Passamos todo final de semana em um encontro que nos trouxe um panorama de boas ideias e foi uma maneira de intensificar a troca de experiências abordando o que é feito por esses canais nas cidades que já temos o serviço de TV por assinatura. Foram dois dias de muito aprendizado”. Afirmou Jair.

Além das grandes emissoras do Brasil e de outros países que já estão no plano básico, hoje existem nove canais locais na grade da TV por assinatura da Brisanet. Eles estão espalhados por vários estados nordestinos. Como exemplo podemos citar a TV Jaguar no Vale do Jaguaribe, a TV Padre Cicero no Juazeiro do Norte e a TV Cidade Oeste em Mossoró.

Outros canais já estão praticamente prontos e nos próximos dias estarão transmitindo a sua programação local. É o caso da ANTV que está sendo montada e
já está em fase de acabamento em um galpão com mais de 700 metros quadrados as margens do Açude Velho na cidade de Campina Grande na Paraíba. O novo prédio tem estúdios de rádio e TV, salas de edição, escritórios, auditório e uma moderna central de transmissão ao vivo onde serão utilizados equipamentos de última geração. No prédio também irão funcionar uma produtora de vídeo e um portal de notícias.

A Brisanet é uma empresa que foi criada no estado do Ceará com atuação no Rio Grande do Norte e Paraíba e Pernambuco levando cabos tecnológicos para a frente de milhares de casas na região. Ao todo, é uma rede de mais de 30 mil quilômetros. Ela se conecta a cabos submarinos que chegam à Praia do Futuro, em Fortaleza, e permitem que os clientes tenham acesso à internet a ótimas velocidades, além de TV a cabo e telefone.

Fibra óptica (ou ótica) é um filamento flexível e transparente fabricado a partir de vidro ou plástico e que é utilizado como condutor de elevado rendimento de luz, imagens ou impulsos codificados. Têm diâmetro de alguns micrômetros, ligeiramente superior ao de um fio de cabelo humano. Por ser um material que não sofre interferências eletromagnéticas, a fibra ótica possui uma grande importância em sistemas de comunicação de dados.

Inicialmente as fibras óticas eram utilizadas como guias de transmissão de sinais óticos e operavam entre distâncias limitadas, pois apresentavam grande perda de luz na transmissão e alto calor que os lasers produziam e tinham problemas com as emendas. Contudo, em meados dos anos 70, ocorreu um aprimoramento significativo das técnicas ópticas utilizadas, e devido a isso, tornou-se possível a monitoração de grandezas e a troca de informações a longas distâncias. No Brasil a fibra óptica foi introduzida apenas em 1977, após grandes pesquisas, realizadas na sua maioria pela UNICAMP.

Com sede em Pereiro, a Brisanet leva internet de fibra óptica para cerca 300 mil assinantes no Interior de cinco estados e ainda nesse primeiro trimestre a TV por assinatura será lançada em Campina Grande.

Da redação com Departamento de Marketing da ANTV