Antônio Macedo, presidente do Sindicato dos Motoristas, Cobradores e Fiscais de Ônibus de Campina Grande, anunciou nesta quinta-feira (13), a adesão da categoria à paralisação marcada para esta sexta-feira (14), em nível nacional, contra a reforma da Previdência Social, e consequentemente, que o transporte coletivo estará parado no município.

Matéria em andamento