Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia (SEECT) realizou, na manhã desta sexta-feira (2), em Campina Grande, o lançamento de mais dois editais com 90 vagas pelo Primeira Chance, programa estadual de incentivo à concessão de estágio, aprendizagem e primeira experiência profissional para estudantes do ensino médio da Rede Estadual de Educação. O evento aconteceu na Escola Cidadã Integral Técnica Dr. Elpídio de Almeida, conhecida como Estadual da Prata, no bairro da Prata. 

As chamadas públicas têm por objetivo o cadastro de empresas que desejam receber estagiários bolsistas dos setores têxtil, de vestuário, produção de moda e couro, com 50 vagas nas cidades de Cajazeiras, Guarabira, São Bento, Campina Grande e cidades circunvizinhas; além de 40 vagas em parceria com o Empreender para atuação na área de gestão e tecnologia nas empresas em João Pessoa, Bananeiras, Monteiro,São Bento, Cuité, Santa Luzia, Patos e Cajazeiras e cidades circunvizinhas. Os estudantes receberão uma bolsa estágio de R$500,00.

O edital será divulgado neste sábado (03) no Diário Oficial, data a partir da qual as empresas deverão realizar as inscrições por meio do formulário eletrônico disponível no site https://sites.google.com/escola.pb.gov.br/primeirachance até o dia 11 de agosto.

Um dia você pensou em um canal de TV para assistir em todas as plataformas de comunicação. Prepare-se. Esse canal está chegando.

A solenidade contou com a presença do secretário de Estado de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Gustavo Feliciano; da secretária executiva de Gestão Pedagógica da SEECT, Giovanna Marques; do secretário executivo do Empreender Paraíba, Fabrício Feitosa; do vice-presidente da Associação do Comércio de Campina Grande, Antônio Andrade; da coordenadora do Programa, Rayssa Alencar, além de representantes da indústria de calçados, têxtil, e alunos da Rede Estadual.

Opiniões – Para o secretário Gustavo Feliciano, o programa Primeira Chance é uma ponte entre a escola e o mercado de trabalho. “É uma maneira de equilibrar as forças da rede pública de ensino com o mercado competitivo que temos nos dias de hoje. A educação é sempre o melhor caminho para qualificar os nossos estudantes, oferecendo um suporte pedagógico e psicológico durante o estágio”, falou. 

A secretária Giovanna Marques destacou a preparação dos alunos para o mercado de trabalho. “Essa ação é a consolidação de um investimento muito alto nos cursos técnicos da Paraíba, é uma oportunidade tanto para as empresas de conhecerem os nossos alunos, como para os estudantes terem experiências. A Paraíba tem um projeto de futuro para o seu povo, existe um cuidado da educação para os estudantes, eles são reparados, orientados no projeto de vida. O nosso compromisso não termina quando eles concluem os estudos”, disse. 

Conforme o estudante do curso técnico de Administração, Renan Bezerra, “é uma oportunidade ímpar que o governo está dando para nós alunos da rede pública, pois queremos uma chance no mercado de trabalho e esse programa vai nos ajudar, dar um alicerce para que possamos conseguir. Trabalhar e estudar com o apoio da escola é perfeito para nós, são mais de 14 milhões de desempregados no Brasil, o governo da Paraíba age no sentido contrário, oferecendo aos jovens incentivo para ingressar no mercado de trabalho”, ressaltou.

O programa – Primeira Chance é o programa estadual de incentivo à concessão de estágio, aprendizagem e primeira experiência profissional para egressos e estudantes do ensino médio da Rede Estadual de Educação da Paraíba. Foi lançado este ano e já selecionou 40 estudantes para estágios em 20 empresas do setor de turismo, hospitalidade e lazer, e lançou no último sábado (27) mais 100 vagas destinadas a 23 escolas técnicas que possuem turmas da 3ª série do ensino médio integrado à educação profissional, para atuação nas próprias escolas, em projetos dos cursos técnicos aos quais os alunos estão vinculados. As bolsas variam entre R$ 300,00 e R$ 500,00. 

Com assessoria